Pesquisa premiada no 1º Concurso Público de Teses e Dissertações sobre o Estado do Rio de Janeiro

O Programa de Pós-Graduação em Educação da PUC-Rio teve mais uma tese premiada. Trata-se da pesquisa da egressa Vanessa Weber de Castro, intitulada: “Trabalho, educação, música e arte: o ensino de música nas escolas públicas do Estado da Guanabara (1960-1975)”, orientada pela professora Patrícia Coelho da Costa.

A tese foi premiada com Menção Honrosa no 1º Concurso Público de Teses e Dissertações sobre o estado do Rio de Janeiro. O concurso foi promovido pelo Instituto Pereira Passos (IPP), a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado Rio de Janeiro (FAPERJ) e o Fórum de Reitores das Instituições Públicas de Educação do Estado do Rio de Janeiro. De acordo com o site do concurso, foram “objeto a seleção e premiação das 02 (duas) melhores teses de doutorado, 02 (duas) melhores dissertações de mestrado que estimulem a reflexão sobre o processo de desenvolvimento social, urbano, econômico, político, cultural, ambiental, histórico e do patrimônio histórico do Estado do Rio de Janeiro, as suas regiões e cidades. Além disso, será concedida uma menção honrosa que aborde a capital fluminense de maneira central ou correlata.”

De acordo com a orientadora, Patrícia Coelho:

A importância do prêmio é a valorização da história da educação do Estado da Guanabara, um período pouco estudado, mas tem questões fundamentais para compreender determinados problemas que enfrentamos até hoje, como a desvalorização do ensino de música em nossas escolas. A geração dos anos 1970 foi educada sem essa disciplina e essas pessoas atualmente estão em postos de comando. Os outros trabalhos premiados têm como objeto de estudo o planejamento e as políticas públicas, apenas a tese de Vanessa aborda o Estado da Guanabara e a história da educação.

Todos os trabalhos premiados foram publicados no Diário Oficial do Município do Rio de Janeiro de 1º de dezembro deste ano.

A tese de Vanessa Weber foi defendida em 2019 e está disponível na Biblioteca da PUC-Rio. Além de doutora em Educação pela PUC-Rio, a autora tem Licenciatura em Música pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio, 2005), Especialização em Regência Coral pela UFBA (2022), Especialização em Ensino da Artes pela Universidade Veiga de Almeida (2008) e Mestrado em Música também pela Unirio (2011), na área de Educação Musical. Cursou também o Técnico em Violão na Escola de Música Villa-Lobos (2004). Atualmente é Professora de Educação Musical do Colégio Pedro II – Campus Realengo II, atuando no Ensino Médio Integrado – Técnico em Instrumento Musical nas disciplinas Percepção Musical e Prática Instrumental (Violão) e é Coordenadora da Especialização em Práticas Musicais na Educação Básica do Departamento de Educação Musical. É regente do Coral Nosso Canto, coro independente do Rio de Janeiro. Atuou por 9 anos como professora docente de Artes do Governo do Estado do Rio de Janeiro, lotada no Colégio Estadual Álvaro Negromonte. Tem experiência na área de Artes, com ênfase em Música, e pesquisa principalmente nos seguintes temas: música, história do ensino da música, ensino da arte, prática docente e Estado da Guanabara.

Produção e revisão da notícia: Mirna Juliana Santos Fonseca

en_US